31 janeiro, 2007

Solitários



imagem: atkaoz

8 Comments:

Blogger CAntonio said...

Rosepoetisa,


Atingiu em cheio um coração solitário (que se recusa a aceitar essa condição, é claro)

Simples e tão rico.

SDS.

31 de jan de 2007 16:46:00  
Blogger Nomadezz said...

Oi,

Post novo, parabéns.

Tudo muito bonito.

1 de fev de 2007 21:30:00  
Anonymous Anônimo said...

Lindo! Lindo!

Quanta poesia, quanto amor.

Muito bonito mesmo.

Tb te dou os parabéns.

3 de fev de 2007 22:55:00  
Blogger staff esperança said...

Este comentário foi removido pelo autor.

3 de fev de 2007 23:40:00  
Blogger staff esperança said...

Oi Rose!!! a palavra ancorado....'e uma das que mais gosto...da a sensacao de estabilidade...que tudo esta sob controle...

O Poema flui delicadamente sutil...'e um poema lindissimo!!!


Helinho.

3 de fev de 2007 23:43:00  
Blogger Ricardo Rayol said...

Rose, um texto delicadissimo... ficou demais!

6 de fev de 2007 12:50:00  
Blogger riscos said...

O amor persegue-nos onde quer que se vá... não perde sentido por isso..

6 de fev de 2007 21:10:00  
Blogger Vera said...

Que lindo!! Maravilhoso!!!
As lágrimas têm sempre o mesmo gosto!
Adorei!

Mil beijos

8 de fev de 2007 08:13:00  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home