20 agosto, 2007

Rubras...


4 Comments:

Blogger Ricardo Rayol said...

uma história fugaz e radiante.

21 de ago de 2007 13:45:00  
Blogger Menina do Rio said...

E o tempo escorre como areia entre as pétalas da rosa...

Beijos

22 de ago de 2007 16:02:00  
Blogger Zé Carlos said...

Como você, Rose, fala bonito de histórias de amor.....
O romantismo é patente em sua vida e no seu modo de ser.
Parabéns à inspiração que lhe trás a nós desta maneira linda....
Bjs do teu amigo

23 de ago de 2007 17:38:00  
Blogger DE-PROPOSITO said...

'Recolho o tempo'
-------------
Só em poesia é possível recolher o tempo. Ele vai passando, incólume às atrocidades que nos vai fazendo, atrocidades ou alegrias.
Fica bem.
Felicidades.
Um beijinho
Manuel

12 de set de 2007 15:31:00  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home