03 dezembro, 2007

Amantes


rosemari hauenstein ruch



8 Comments:

Blogger Ricardo Rayol said...

uau!!

3 de dez de 2007 12:46:00  
Blogger Lia Noronha said...

Rose: o amor tem seus mistérios...sempre!
Bjus diretamente do meu Cotidiano.

3 de dez de 2007 13:37:00  
Blogger Lia Noronha said...

Vou fazer o desafio que me propôs..assim que der uma folguinha,ok?
Desculpe-me a demora e boa semana pra vc e sua linda família.

3 de dez de 2007 13:40:00  
Blogger Nilson Barcelli said...

Rosemari, acho este poema um dos melhores que já li no seu blogue.
Vc é uma menina cheia de talento, parabéns pela qualidade com nos presenteia constantemente.

Boa semana, beijinhos,

3 de dez de 2007 20:48:00  
Blogger °Patty said...

Oi Rose tudo bem?

Ahh o amor....

4 de dez de 2007 00:34:00  
Blogger Cadinho RoCo said...

Uma vez despida dos cetins da espera, eis que seus contornos surgem qual luz no escuro de tão enlouquecidas intenções.
Cadinho RoCo

6 de dez de 2007 15:39:00  
Anonymous Uncilla said...

"Só tenho uma certeza inabalável: a certeza absoluta de que na vida, certezas não existem, só existem dúvidas, mas, que são exatamente elas - as dúvidas - que nos fazem arriscar e nos levam ao caminho do aprendizado, do conhecimento e de alguma sabedoria..."
Bjs**

7 de dez de 2007 21:52:00  
Blogger Osc@r Luiz said...

Eu é que tenho a agradecer.
Seu poema "Arco-Íris" foi o único que postei com os comentários desabilitados até hoje, por estar direcionado a uma única grande amiga naquele momento, que passava por um momento difícil. Eis que suas palavras foram um bálsamo e trouxeram de volta a paz àquela alma.
Portanto, eu é que tenho mesmo a agradecer.
E o faço de público: MUITO OBRIGADO!
Meus espaços estão ao seu dispor se eu puder ser útil em qualquer coisa que seja.
Um abraço e uma boa noite.

8 de dez de 2007 02:22:00  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home