13 março, 2008

Em Silêncio


rosemari hauenstein ruch

29 Comments:

Blogger Ricardo Rayol said...

é triste quando só o silêncio sabe.

13 de mar de 2008 15:06:00  
Anonymous Anônimo said...

É poeta, acho que só o silêncio sabe.
Cássio Fernando

13 de mar de 2008 22:22:00  
Blogger Nilson Barcelli said...

E se alguém pergunta ao silêncio...? Afinal ele (o silêncio) é de todos nós conhecido...

Mais a sério. a Rose escreveu mais um belíssimo poema.
"e nem as rosas sabem
que teu perfume seria meu destino
".
Lindo.

Bom fim-de-semana.
Beijinhos.

14 de mar de 2008 06:59:00  
Blogger cristino martim crus said...

...entrega uma lágrima ao vento...e o céu p'ra mim brilhará...e como uma chuva prateada...o teu amor...me trará...

rose das rosas...senhora das senhoras...

14 de mar de 2008 08:12:00  
Blogger Silêncios de um coração said...

Estou lendo estas lindas palavras e descubro que estou mesmo é querendo um amor de sons, barulhos e cores.
O meu silêncio já se cansou desse amor quieto demais.
Abraços.

14 de mar de 2008 10:20:00  
Anonymous Chuvinha said...

Vim agradecer a visitar e xeretar seu blog. Eu amo em silencio e OM SILENCIO porque muito se diz nele. Achei lindo!

14 de mar de 2008 23:01:00  
Blogger BANDEIRAS said...

Rose querida,

Calamos para bem dentro deixar gritar a dor de uma paixão.
Amor, eterno amar.
abs.

15 de mar de 2008 09:23:00  
Blogger Osc@r Luiz said...

O silêncio que cala é o mesmo que clama.
Sou eu quem agradece o seu talento que afaga a alma de quem, como eu, se contenta em aplaudir.
Um beijo e um bom final de semana!

15 de mar de 2008 12:50:00  
Blogger O Profeta said...

Pintas com as palavras...


O Sol abandonou o céu
A Lua ironiza no celeste
Soltas perversas vontades
Cruzam a tua vida agreste


Convido-te a partilhar a minha visão da forma em
como a vida às vezes é perversa para algumas mulheres…

Bom fim de semana

Doce beijo

15 de mar de 2008 16:25:00  
Anonymous Nusa said...

Uau !!!!! Nossa lindo demais é perfeito e intenso.

Bjus.

15 de mar de 2008 23:24:00  
Blogger Cristiane Moreira said...

Amar em silêncio é a pior coisa para aquele que ama, pois quando amamos a nossa maior vontade é gritar pro mundo inteiro saber o que sentimos.

Lindo poema, Rose... Parabéns!

Espero que sua vida já tenha voltado ao normal... eu perticularmente detesto muita correria... rs

Beijos e um ótimo fim de semana!!!

:)

16 de mar de 2008 03:59:00  
Anonymous Anônimo said...

venha participar em www.luso-poemas.net

16 de mar de 2008 20:19:00  
Blogger Amaral said...

É forte o sentimento saído do silêncio.
Porque no silêncio mora a essência pura de nós todos, porque no silêncio está a verdade que é Aquilo que verdadeiramente Somos.
Amar em silêncio cria uma realidade própria. Mas nunca devemos fugir Àquilo que ansiamos criar para uma Vida que nos dá alegria interior...

17 de mar de 2008 07:33:00  
Blogger alexandrecastro said...

gostei desse silêncio que lhe foi dado "voz"!
bj

17 de mar de 2008 08:56:00  
Blogger Liz / Falando de tudo! said...

Eu e este meu habito de pular de blog em blog, cheguei até aqui! Te convido a visitar o meu. Apesar de algumas diferenças...mas como dizem, "as diferenças se completam"!
Uma excelente semana, e te convido também à assinar o meu "guetsbook", chic, né?! Ficarei honrada com um recadinho seu!!
Um abraço,
Liz

17 de mar de 2008 09:02:00  
Blogger Layla Lauar said...

Este amor feito de silencios, ficou lindo gritado no seu poema. Parabéns.

17 de mar de 2008 14:54:00  
Anonymous Anônimo said...

Rose, "Em silêncio" é a tua paisagem interior.a beleza de como você contrapõe ao mostrar o teu lado verdadeiro do amor. Parabéns pela poética.Quase não tenho escrito nestes últimos dias.Estou bastante aarefado.Lecionando em duas escolas, três turnos, e, isso não tem sido fácil.Beijo pra você.
Geraldo anízio

17 de mar de 2008 21:42:00  
Blogger BANDEIRAS said...

Oi!!!!!!!!!

Esteja convidada a assistir um filme, se é que ainda não o assistiu.
Combina demais com vc.
bjs.

18 de mar de 2008 09:30:00  
Blogger Nilson Barcelli said...

Como não há novo post, dese-lhe "apenas" uma Páscoa muito feliz.

Beijinhos.

19 de mar de 2008 14:20:00  
Anonymous Anônimo said...

Rosemari, lindo demais este seu blog. Seus poemas só podem ser inspirados pelo mais puro amor.
Uma Feliz Páscoa para você e para sua turma.
Um abraço do Marco Antonio.

19 de mar de 2008 14:40:00  
Blogger Professor Sergio said...

Nossa Rose, suas poesias são colírios aos nossos olhos....simplesmente maravilhosas.......saudades, logo voltarei às visitas diárias....bj

19 de mar de 2008 14:48:00  
Blogger A.S. said...

Querida Rose,

Esse teu silêncio... é uma voz que não se cala!...


Um beijo...

20 de mar de 2008 07:13:00  
Blogger Professor Sergio said...

Rose hoje é dia do blogueiro, tem um selo comemorativo no meu blog que ofereço a você pela maneira que utiliza tão bem este espaço virtual...Parabéns blogueira!! bjs amiga!

20 de mar de 2008 15:33:00  
Anonymous Anônimo said...

Não resisti e voltei para desejar uma Boa Páscoa para você e família...
Cássio Fernando

20 de mar de 2008 17:56:00  
Anonymous Anônimo said...

Que sucesso não?
Um lindo poema.
Uma linda poeta.
Só pode dar nisto !
Boa Páscoa para você e para os seus...
Marco Antonio

22 de mar de 2008 17:29:00  
Blogger BANDEIRAS said...

Boa noite querida amiga,

Uma feliz Páscoa para vc e todos os seus.
bjs.

22 de mar de 2008 21:10:00  
Blogger O Profeta said...

Mulher da ilha é solidão
É espera do vapor da madrugada
É aroma de milho em mesa de pão
É pio de milhafre, alma assombrada

Mãe em ninho feito de frias pedras
Por duras mãos cheias de jeito
Não sei se de ti brota um morno leite
Ou escorre rubra lava do teu peito


Uma Santa Páscoa


Terno beijo

23 de mar de 2008 11:13:00  
Blogger Liz / Falando de tudo! said...

Amo em silêncio, porque minha voz ja se acabou de tanto gritar por teu amor...

24 de mar de 2008 18:07:00  
Blogger Delion said...

seus olhos me diz o que seu coração expressa, mas sua boca teima em não falar ...

sinto seu perfume... sinto sua alma... sinto sua energia... que no silencio confia... um lugar em meu coração pra morar...

sinto que há um coração... sinto que uma mão... mesmo ainda sem rosto... em mim já despertas o gosto ...o gosto de um dia te amar.

thelyonn@hotmail.com

30 de mar de 2010 23:30:00  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home